Pessoas boas permanecem

Quando você descobre uma gravidez, ela contagia todos que estão a sua volta, porque um bebê é motivo de festa e gratidão para todos, alegra em todos os momentos a partir do momento da concepção. Com essa descoberta nasce uma mãe, um pai e inúmeros tios e tias, que prometem estar ao seu lado nos momentos que precisar. Nasce também tantas opções para padrinhos que você até se perde na conta.

Os meses vão passando, e as dificuldades chegando. A mãe já não consegue mais fazer muitas coisas sozinha, precisa do dobro de ajuda sempre que precisa andar um pouco mais, e quando você olha pro lado algumas daquelas pessoas do início já sumiram.

Resultado de imagem para casal gravidez tumblr

O nascimento do bebê se aproxima e você começa a pensar muitas coisas, como: se vai dar conta, se tem certeza do que quer, e seu psicológico inteiro vira uma bagunça. Você desmonta, mas lembra das pessoas que disseram que você poderia contar, e decide procurar algumas e no mesmo momento percebe que não há mais ninguém. As pessoas simplesmente sumiram, sempre muito ocupadas para te ouvir.

No final ficaram aquelas que você nem imaginou que estaria na sua vida em algum momento e se sente totalmente grata por esse anjo que ainda não nasceu ter selecionado apenas as pessoas boas para permanecerem ao seu lado.

Ela só quer sorrir

Passou por tantas coisas que esta anestesiada em relação a vida, continua vivendo mas não da maneira como deveria. Ela sente saudade de sorrir, de encontrar motivos que a façam acordar pela manhã e agradecer por mais um dia. Sente falta do passarinho verde que cantava em sua janela todos os dias de uma forma diferente. Antes o que era tudo colorido hoje está em preto e branco.

tumblr_static_tumblr_static_9zjl3rwhfjks40c8wwcs844ok_640

E ela não consegue entender o motivo, não consegue enxergar qual foi a via errada que tomou para chegar onde chegou. Refletiu sobre todas as escolhas dos últimos meses e mesmo assim não consegue mais sentir aquele calor de felicidade dentro dela. Não sente mais nenhum frio na barriga ao ouvir um certo nome, não encontra mais as borboletas que antes habitavam nela sem hesitar.

Está tudo silencioso, e a menina… quer sorrir por mais uma única vez, para lembrar de como era a vida antes dessa tempestade. Só quer voltar a sentir o calor de um sorriso, a felicidade de uma simples presença. Ela só quer ter a vida de volta, quer ter aquele colorido, aquela vontade de viver e sorrir para qualquer pessoa que passe por ela na rua.

Ela quer e com certeza vai renovar as escolhas dela, para que o colorido anterior volte intensamente e com cores novas, agora só depende dela… depende do que ela é capaz de fazer para voltar a sorrir.

Curta nossa página no Facebook: Borboletas no Estômago

Estarei aqui se precisar

Sabe aquela noite em que estávamos conversando e juramos um ao outro que sempre estaríamos juntos independente da situação? Que sempre estaríamos aqui um pelo outro? Juramos que seria apenas nós dois contra o mundo… e hoje olho pro lado e não te vejo, não te acho em lugar algum.

tumblr_lw0dawirhh1qhaw0bo1_500

Eu sei que é você que quero ao meu lado, não me diga que não sente o mesmo, porque você sabe que o nosso lugar é um ao lado do outro, não tem motivos pra esconder o que sentimos. Volte a acreditar em nós, só uma última vez. É difícil esquecer o que foi vivido e não estaremos fazendo nada além de cumprir nossas promessas.

Afinal de contas, os dois querem o mesmo então qual a dificuldade? Mas se não quiser voltar, tudo bem, só saiba que estarei aqui sempre e em qualquer momento que você precisar. Para te proteger, aconselhar, para te fazer rir e te amar!

Curta nossa página no Facebook: Borboletas no Estômago

SCRIPT DE TÉRMINO

Nunca fui muito boa pra dispensar carinhas. Isso porque eu mesma já fui dispensada várias vezes e sei o quanto a sensação machuca. Estar com esse tipo de decisão nas mãos me assusta tanto que eu sempre acabo colocando um final numa relação de forma impessoal. Uma cartinha escrita aqui, uma mensagem enviada ali… A questão é que você não é só um carinha e merece bem mais que a minha covardia.

Você é uma pessoa incrível da qual eu não soube cuidar. Não estou dizendo aquele clichê de que “o problema sou eu, não você”, porque nenhum de nós é o problema. Apenas não consegui lidar com a situação de ter alguém da forma como nos tivemos. Foram 32 meses de muita cumplicidade e é isso o que eu quero manter recordado.

Não imagino um ex-namorado amigo, embora você tenha cumprido esse papel de companheiro tão bem que quase me fez mudar de ideia. Quase. Ainda seria torturador para ambas as partes continuar com qualquer tipo de contato.

Com isso, não quero que pense que há chances de um dia reacendermos nossa chama. Se eu não te vejo no meu futuro significa que estou barrando o destino de outra mulher, uma mulher que se sinta feliz ao seu lado. Está na hora de procurar alguém que nos faça querer ser melhor. Alguém que nos preencha, que tenha os mesmos princípios e os mesmos planos pra essa vida tão curta.

Por mais que eu tenha uma noção do quanto isso vai te surpreender e decepcionar, saiba que a dimensão do que estou sentindo não fica atrás. Minha cabeça está machucando meu coração há tempos porque tenho medo das consequências dessa decisão, apesar de saber que é a correta. Então me ajude a encarar isso como algo benéfico.

Não pense que é tarde pra buscar um novo amor. Tome a situação como um incentivo para voltar pra academia e conquistar sonhos pessoais. Não guarde mágoa ou rancor, porque a tristeza sempre passa e acaba nos tornando mais fortes. Mantenha-se “pra cima” e lembre-se de mim como uma lagarta que precisava virar borboleta. Obrigada pela tentativa de ajuda, mas esse é um processo de metamorfose autônoma, a solidão nunca foi tão bem vinda!

Com carinho,
Lagarta Anônima.

[Texto enviado por uma de nossas leitoras que prefere não ser identificada.]
Curta nossa página no Facebook: Borboletas no Estômago

Amizade Adoecida

Eu costumava acreditar que a força dos relacionamentos é medida pelos anos de duração. Não me parece uma tese ruim, na verdade. Se temos ao lado pessoas por um longo período é porque gostamos dessas companhias, porque elas nos fazem bem, certo? Errado! Muitas vezes os relacionamentos são bons de verdade apenas no começo, e eu não estou falando de amor Eros (não dessa vez). Estou falando do amor Philos, de amizade, daquela coleguinha que você conheceu na 1ª série e até hoje faz parte da sua jornada.

Nos primeiros anos tudo era uma maravilha. Vocês se conheceram e logo já estavam uma na casa da outra pra brincar de Barbie. Algum tempo se passou e as Barbies foram substituídas pelo DVD do Rebelde, um sofá arrastado e muitas horas de dança e cantoria. Depois foi a vez das descobertas da vida, afinal a pré-adolescência vem com tudo! Garotos, ficadas, fofocas, inimigas e um pouco de rebeldia também.

tumblr_mabehxGOA31rno4jjo1_500

Nessa fase foi que as divergências de ideias surgiram, porque mesmo que eu gostasse de ser uma boa moça, queria experimentar coisas novas. Queria beber, sair, chegar tarde ou nem chegar. Queria ir às festas legais, conhecer pessoas, me aventurar sem saber se vou ter carona às cinco da manhã. Porque mesmo que isso resultasse em uma situação desagradável, eu pelo menos poderia dizer que a vivi, teria história pra contar.

Mas você nunca sintonizou nessa vibe. Sempre quis ir embora cedo, rejeitava os gatinhos que eu te arranjava e tentava segurar a minha barra. Meu estilo de vida não é melhor que o seu e cada um tem o livre arbítrio pra decidir o que quiser. O que realmente me incomoda é que eu sei que essa não é você. São barreiras construídas por medo e insegurança. Sinto muito não tê-las percebido antes, eu certamente teria te ajudado a quebrá-las.

Atualmente o seu muro é tão grande e espesso que me dói tentar escalar. Afastamos-nos tanto que por mais que a gente tente recuperar o “Best friend forever”, algo me diz que não vai rolar. É como se o nosso santo não batesse e certa rivalidade pairasse no ar. Amigos à nossa volta se foram e isso é um dos motivos que nos prendem, como um namoro de muitos anos onde todos esperam que termine em casamento. Só que eu tô me desapegando desses comodismos pra buscar coisas mais saudáveis.

Eu preciso de uma M.A mais calorosa, que seja menos indiferente. Uma M.A que me ouça e me aconselhe do fundo do coração, sem meias palavras, sem frases prontas. Uma M.A que não me troque pelo namorado ou que me escolha como segunda opção. Que preveja atitudes do meu desagrado, e as evite. Que não me julgue pelos meus impulsos ou loucuras. Que não tente mais “segurar a minha barra”, mas sim que me ajude a soltá-la de vez.

Até hoje você fez parte da minha jornada e agora precisamos seguir sozinhas. Vamos congelar os momentos bons e nos prevenir dos ruins. Se um dia uma reflexão bater e você sair do armário, chega junto que a gente cai na night ou viaja sem rumo num fusca rosa que estou pensando em comprar. Espero que esse dia não esteja tão longe e que logo encontremos um remédio para a nossa amizade adoecida.

Com carinho,
A amiga.

Erros que ensinam

Sempre dizem que tudo de errado que fazemos serve como uma lição, como um aprendizado na vida da gente, mas sempre vemos as coisas ruins que acontecem conosco como coisas extremamente horríveis, nunca conseguimos ver, no momento, o “bem”que aquele “mal” irá nos trazer daqui um tempo.

Ao passar dos anos, começamos a entender que aprendemos com nossos erros, que só iremos acertar a partir do momento em que errarmos muito. Não seremos bom em algo logo de primeira, o erro é necessário para que possamos fazer tudo certo quando for o momento certo de verdade.

tumblr_lwf77xI4wP1qktpgno1_500

Não se cobre tanto por algo que deu errado no seu relacionamento, ao invés disso, tente tirar um aprendizado com o acontecimento. Talvez no momento você não consiga enxergar isso, e não faz mal porque a pressa é inimiga da perfeição. Quando tudo está no seu tempo, quando tudo está na hora, dá certo.

Acompanhe nossa página pelo facebook: Borboletas no Estômago

Transborde o amor

Há pessoas que entram num relacionamento dizendo que quer completar o outro e que sente a necessidade de fazer o outro feliz. Romances assim acabam. Um relacionamento não vive se você quer completar, as pessoas já são completas sozinhas. E se você não for completo sozinho, meu amor, na vida não terá nada.

Procure transbordar, procure ser feliz sozinho, se amar, conseguir viver sozinho, de você conseguir tudo isso, está preparado para um relacionamento duradouro e feliz. Cresça junto, viva junto, esteja ao lado e o mais importante, sempre transborde.

o amor transborda

Dê amor, dê carinho, dê muito excesso. Não se preocupe com o excesso, ele é a forma mais bonita e pura de demonstrar esse amor que transborda. Em certos momentos é difícil entender essas coisas da vida, mas a vida vai transformar e ensinar a melhor maneira.

Apenas seja leve, seja excesso, transborde!

Curtam também nossa página no Facebook: Borboletas no Estômago